Em 17 de maio, o CREFITO-4 completa seus 35 de existência. Uma data a ser lembrada em face da importante trajetória da instituição.

Criado 1985, a partir do desmembramento do CREFITO-2; o CREFITO-4 abrangeu inicialmente os estados de Minas Gerais, Goiás, Tocantins e Distrito Federal.
No ano seguinte, toma posse o primeiro colegiado da autarquia, sob a gestão do fisioterapeuta, Dr. Hildeberto Lopes dos Santos, exercendo o cargo pelos vinte e oito anos seguintes.

Inicialmente instalou-se em uma sala alugada na rua São Paulo, centro da capital mineira, e em treze de dezembro de 1986 inaugurou sua sede própria. Desde então, o conselho funciona no Edifício Maletta, também região central de Belo Horizonte.
A partir de 2004, o conselho da 4ª Região passou a abranger unicamente os municípios mineiros em sua circunscrição.
No dia treze de abril de 2014, tomou posse o segundo presidente do CREFITO-4, o fisioterapeuta, Dr. Anderson Luís Coelho.

Sendo reeleito, em 2018, com ampla aprovação dos mineiros. Além do presidente, compõem atualmente a diretoria a vice-presidente, Dra. Álida Andrade, a diretora-secretária, Dra. Flávia Massa, e o diretor-tesoureiro, Dr. Hermann Rodrigues.
Você conhece a importância do CREFITO-4 para Minas Gerais?

Com a renovação da gestão, a Fisioterapia e a Terapia Ocupacional mineiras começaram a escrever novos capítulos em sua trajetória. A atual diretoria do conselho tem se empenhado ativamente em ações internas e externas de aproximação com os profissionais e de valorização social das profissões.

Com a contribuição de cada profissional, principalmente na adesão e engajamento às ações do CREFITO-4, a autarquia tem avançado cada vez mais e trabalhado de forma preventiva e propositiva, orientando, ouvindo, propondo mudanças, superando crises e traçando novos rumos para a Fisioterapia e para a Terapia Ocupacional. Muito além de uma mera fiscalização do exercício profissional, mas zelando pela melhoria da qualidade assistencial e exação profissional. Ampliou o horário de atendimento em quase 60%.

Instalou subsedes mesorregionais. O CREFITO-4 também está presente em Governador Valadares, Montes Claros, Pouso Alegre, Uberlândia e Juiz de Fora e em processo de aquisição de uma subsede móvel que percorrerá os 853 municípios, aproximando ainda mais a soluções e ações de apoio do conselho aos profissionais.
Mantém apoio e interlocução institucional em 100% das microrregiões do estado por meio da rede de delegados de representação política, para conhecer de perto as demandas da classe.

Reduziu os prazos para a conclusão de todos os serviços oferecidos pela autarquia.
Criou o núcleo de apoio a profissionais e a ouvidoria do CREFITO-4. Atendimento presencial, telefônico e eletrônico.

Em outra iniciativa, o conselho tem trabalhado para se adequar à era digital. Com o uso intensivo de tecnologia da informação segura e de procedimentos simplificados, os profissionais conseguem resolver praticamente todas as suas demandas pela internet.

A atual gestão revolucionou a política de fiscalização do conselho. Os agentes fiscais atuam com respeito aos profissionais e cumprem o princípio de uma fiscalização técnica com perfil preventivo e educativo. Atualmente, a fiscalização ocorre em 100% dos municípios mineiros.

Cumprindo o dever de transparência e informação pública de qualidade à sociedade, o CREFITO-4 implementou também a assessoria de comunicação. Publicação semestral da revista CREFITO-4, lançou o site oficial, a Rádio Funcional, o aplicativo CREFITO Mobile e mantém presença diária nas redes sociais.

O CREFITO-4 também teve participação decisiva em conquistas recentes das profissões, como a inclusão da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional no simples nacional, repúdio aos projetos de lei do novo ato médico e da invasão estética, combate à fiscalização irregular por outros conselhos e ao ensino a distância nos cursos da saúde, apresentação de projeto de lei do piso salarial estadual.

Em um momento tão difícil para a saúde pública do país e do mundo, que é o combate ao novo coronavírus, o CREFITO-4 tem realizado diversas ações para orientar e informar aos profissionais, em tempo real, sobre os desafios que a pandemia impõe. Também tem atuado junto ao legislativo e executivo para garantir segurança dos profissionais que são linha de frente no manejo desses pacientes e também a diminuição do impacto econômico para os profissionais que tiveram seu trabalho comprometido por causa da COVID-19.
Além disso, o conselho tem mantido contato diário com a grande mídia, buscando valorizar e divulgar o tão importante trabalho realizado pelos fisioterapeutas e pelos terapeutas ocupacionais no enfrentamento dessa terrível doença.

Isso, é só uma parte do trabalho realizado pela equipe CREFITO-4. Fundamental para a sociedade, o CREFITO-4 é formado por conselheiros e colaboradores comprometidos, divididos entre a sede, localizada em Belo Horizonte, e as cinco subsedes espelhadas pelo estado.

O desafio de construir uma profissão consolidada necessita de uma força plural. É pensando assim que o CREFITO-4 se mantém com o trabalho ativo de cada um dos seus servidores e com a consciência do nosso papel para a garantia de um serviço público de qualidade à população mineira e, cada vez mais, a valorização e o reconhecimento social da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional.

Chegar aos 35 anos em um período de emergência em saúde pública torna a ocasião ainda mais propícia para olhar o passado e, a partir dele, projetar o futuro. Neste ano, o CREFITO-4 assume, ainda mais, seu compromisso com as demandas dos profissionais e de uma prestação de serviço público de qualidade à sociedade.